(19) 9 8187 9851
contato@gazetaitapirense.com.br 
(19) 9 8187 9851
contato@gazetaitapirense.com.br 
  • 21/08/2020

Vereadora Prof.ª Marisol sai em defesa dos Educadores na pandemia

Esta semana, como educadora e representante da categoria na Câmara Municipal de Itapira, Prof.ª Marisol se sentiu profundamente ofendida e desrespeitada pela veiculação de áudios nas redes sociais e aplicativos de celular, criticando os professores da rede municipal, e se viu na obrigação de rechaçar veementemente estas declarações consideradas estapafúrdias de que a classe não estaria cumprindo com sua missão pedagógica nestes tempos de pandemia, e como não poderia deixar de ser saiu em defesa da categoria.

“Sou prova dos constantes esforços empregados pela Secretaria Municipal de Educação e de todo o seu corpo docente e discente para atender às novas demandas educacionais exigidas pelo chamado novo normal, bem como do esforço hercúleo que os professores tem feito para se adaptar às novas realidades do ensino não presencial, digital e remoto, acompanhando de perto o desenvolvimento de novas estratégias pedagógicas para aprendizagem dos estudantes, adequação de calendário escolar, bem como a assistência da Secretaria aos profissionais na entrega de materiais e os desafios que estão postos diante do uso de plataformas on-line adotada pelo município de Itapira”, confessou.

Destacou ainda a excelência das estruturas digitais e da atuação dos professores – muitos deles abalados emocional e psicologicamente pelo aumento da carga horária e da demanda de pais e alunos – que garantiram as condições adequadas para o avanço nos processos de aprendizagem dos estudantes durante este período de pandemia investindo em notebooks e celulares mais modernos.

“Sou prova dos constantes esforços empregados pela Secretaria Municipal de Educação e de todo o seu corpo docente”

Ainda não se sabe ao certo quando as aulas presenciais poderão voltar. Quando acontecer, exigirão mudanças na infraestrutura das escolas e nos recursos humanos. Tudo feito de acordo com os protocolos sanitários, com distanciamento de estudantes e profissionais e adoção de ensino híbrido. Esse tempo de isolamento também oferece às famílias a oportunidade de resgatar seu papel educativo oferecendo às crianças e aos jovens tempo de estudo em conjunto, de partilha de histórias e cultivo da fraternidade. Em tempos de pandemia e com as restrições para evitar a proliferação do vírus, a educação também carece de muita atenção para que se consiga vencer o distanciamento físico e criar novos caminhos para o processo de ensino-aprendizagem.

“Minha solidariedade e gratidão a todos os professores, não só da rede municipal, mas também estadual e particular de ensino, que tem se desdobrado para levar a cabo uma educação de qualidade. E finalizo afirmando que considero irresponsável e desastroso que se faça comentários ou julgamentos levianos acerca daquilo que não se tem pleno conhecimento de causa”, finalizou.

Últimas Notícias

Guia Comercial

error: