(19) 9 8187 9851
contato@gazetaitapirense.com.br 
(19) 9 8187 9851
contato@gazetaitapirense.com.br 
  • 08/02/2020

Oposição fica sem cargo nenhum nas comissões

A Câmara Municipal de Itapira deu início na última terça-feira, 04, ao 4º ano da 17ª Legislatura de sua história, de forma incomum, fora das dependências oficiais que abrigam ao Poder Legislativo da cidade. A sessão foi extraordinariamente realizada nas dependências do Clube da Saudade. Isso porque o plenário passa por uma ampla reforma que deve estar concluída somente no decorrer da próxima semana.

Outro fato pitoresco neste retorno dos trabalhos foi a escolha dos integrantes das Comissões Permanentes que tem a função de examinar assuntos diversos enviados pelo Poder Executivo –Comissão de Justiça e Redação; Comissão de Finanças e Orçamento, Educação, Cultura, Saúde e Assistência Social; Comissão de Obras, Serviços Públicos, Agricultura e Meio Ambiente.

A oposição, após uma manobra na tentativa de esvaziar votação de composição das comissões, acabou ficando de fora de todas elas, algo raro e que pode dar margem a uma discussão legal, já que o Regimento Interno tem interpretação dúbia com relação a questão da proporcionalidade das bancadas como base para a composição das comissões. Setores da oposição afirmam que é irregular a atual fomração. Integrantes da situação por sua vez, afirmam que todos os ritos foram cumpridos, inclusive com a votação nominal para cada pretendente a uma indicação.

Sessão foi realizada pela primeira vez no Clube da Saudade

Composição

A comissão permanente de Justiça e Redação ficou composta pelos vereadores Carlos Alberto Sartori (PSDB), Antônio Marangoni Neto (PP) e vereador professora Marisol (PSD). Já a comissão permanente de Finanças e Orçamento, Educação, Cultura, Saúde e Assistência Social, ficou composta da seguinte maneira: Vereadora professora Marisol (PSD), Maurício Cassimiro de Lima (PSDB) e Tiago Fontolan Batista (PL). Por fim, a comissão de Obras, Serviços Públicos, Agricultura e Meio Ambiente, será ocupada pelos vereadores Antônio Marangoni Neto (PP), Tiago Fontolan Batista (PL) e Carlos Alberto Sartori (PSDB). A Comissão Especial de Ética também foi dominada pelos vereadores situacionista após a eleição e permaneceu com os mesmos membros de 2019, a saber: Carlos Alberto Sartori (PSDB), Maurício Cassimiro de Lima (PSDB), Antônio Marangoni Neto (PP), Tiago Fontolan Batista (PL) e vereadora professora Marisol (PSD). A presidência de cada uma das comissões será decidida entre os próprios membros no primeiro encontro oficial. As reuniões das comissões acontecem todas as quartas-feiras ao meio dia.

 

 

 

 

Últimas Notícias

Guia Comercial

error: