(19) 9 8187 9851
contato@gazetaitapirense.com.br 

(19) 9 8187 9851
contato@gazetaitapirense.com.br 
  • 12/01/2021

Galera da Cultura começa a receber quase R$ 450 mil

 

O prefeito Antônio Hélio Nicolai, o Toninho Bellini, promoveu na sexta-feira dia 08, uma cerimônia realizada na sala de reuniões contígua ao gabinete do prefeito, para liberação de recursos do governo federal que somam R$ 434.722,90, destinados à classe artística local. Trata-se do desfecho de um trabalho iniciado ainda na gestão anterior e que teve como finalidade criar condições necessárias para que que artistas, produtores culturais e companhias ligadas ao setor, pudessem receber auxílio decorrente da Lei Adir Blanc, aprovada pelo Congresso Nacional e sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro no final de junho do ano passado.

A inciativa do Congresso Nacional tinha como principal objetivo mitigar os danos causados ao setor artístico pela pandemia, que impediu a continuidade da realização de espetáculos que recebiam público.

Amarrada de forma a ter uma contrapartida para as comunidades onde o benefício chegasse, a Lei Adir Blanc (assim denominada em homenagem ao músico falecido em maio em decorrência de complicações do novo corona vírus) em essência trouxe em seu texto muitos detalhes que tornaram sua aplicação um desafio enorme para gestores de política cultural dos diversos municípios.

Tamiris Ponces destacou o bom trabalho realizado pela pasta da Cultura e que resultou na liberação dos recursos

Aqui em Itapira não foi diferente. Tamires Ponces, ex-secretária de Cultura e Turismo da cidade mencionou para A GAZETA à época em que a equipe da pasta de desdobrava para aparar todas as pontas que a legislação trazia, que os obstáculos eram muitos. A liberação e a chegada dos recursos, comprovam que o bom trabalho realizado.

Contrapartida

Seu sucessor, o músico Cesar Lupinacci, disse que o trabalho prioritário neste momento é fazer com que os recursos cheguem aos artistas que fizeram solicitação. Segundo informou a prefeitura, estes recursos variam de R$ 700,00 a R$ 30 mil. Lupinacci disse que outra medida que deverá ser tomada em consonância com as próprias pessoas e ou empresas beneficiadas, será a forma com que será feita a contrapartida prevista para beneficiar as comunidades onde estas pessoas atuam. “Já estamos estudando a melhor forma dessa contra partida ser prestada para que a comunidade possa usufruir”, completou.

 

 

Últimas Notícias

Guia Comercial

error: