(19) 9 8187 9851
contato@gazetaitapirense.com.br 
(19) 9 8187 9851
contato@gazetaitapirense.com.br 
  • 10/03/2020

Fiscalização endurece com donos de cavalos soltos

O setor de fiscalização da prefeitura, com apoio da Guarda Municipal, Defesa Civil e Patrulha Ambiental, promoveu na manhã desta terça-feira, uma operação para apreender cavalos que ficam soltos em logradouros públicos.

A ação ocorreu junto ao córrego do bairro Assad Alcici, um dos locais – segundo a própria fiscalização – onde o problema é mais recorrente na cidade. A operação contava ainda com apoio de um caminhão com carroceria apropriada para remoção de animais de grande porte. No momento em que os ficais apareceram, havia quatro cavalos pastando no local.

Quando foi avistada a força tarefa da prefeitura, imediatamente os proprietários foram ver o que estava ocorrendo. Foi preciso apresentar documentos de posse dos animais e assinar uma espécie de termo de compromisso. Conforme apurou A GAZETA, em caso de reincidência, os animais serão recolhidos e os proprietários multados.

O código de posturas do município proíbe que animais pastem em logradouros públicos, mencionando diversos motivos que vão dos estragos provocados a questões sanitárias. Um servidor que participou da operação mencionou que é comum casos onde os cavalos destroem mudas de árvores plantadas recentemente, além de oferecer riscos para motoristas que circulam pela região.

Operação teve apoio da Guarda Municipal, Defesa Civil e Patrulha Ambiental

Últimas Notícias

Guia Comercial