contato@gazetaitapirense.com.br 

(19) 9 8187 9851
contato@gazetaitapirense.com.br 
  • 12/06/2021

Dia dos Namorados traz ânimo novo para o comércio local

A data do Dia dos Namorados (12 de junho) que neste ano cai num sábado trouxe alento para diversas estabelecimentos comerciais. Alguns lojistas ouvidos por A GAZETA admitiram que foram surpreendidos de forma positiva ao longo da semana. “Estamos bastante felizes com a movimentação dentro da loja”, disse Aline Piccelli Casagrande, gerente da unidade da franquia do Boticário que funciona dentro do supermercado Cubatão, da rua Conselheiro Laurindo.

Apesar de reconhecer a importância da data como fator de turbinar as vendas, Aline se mostra ainda mais otimista, acreditando que seja um momento de retomada. “Tiramos lições do período mais duro (fechamento das lojas) e aprendemos a crescer na dificuldade”, comemora.

Na MZ Alianças a percepção também é a de que o Dia dos Namorados vem a coroar uma retomada mais vigorosa nas vendas. Gabriela Fonseca, da segunda geração no comando da tradicional loja que atua neste ramo há quase 4 décadas, confidenciou que as vendas vem crescendo num ritmo desejado e que o Dia dos Namorados cuida de dar um empurrão necessário para consolidar este momento positivo.

Gabriela e Zoraide Fonseca, escoladas em indicar o presente certo para ele e para ela

Ela e a mamãe Zoraide, avaliam que a loja tem atrativos para ambos os sexos, mas que o público masculino é aquele quem mais toma a iniciativa na hora da escolha do presente do Dia dos Namorados. Principalmente quando o namorado decide se tornar noivo e o noivo decide marcar o casamento. “Ainda nesta semana tivemos a confirmação de um cliente que marcou seu casamento para este sábado, Dia dos Namorados”, entregou Gabriela.

Imaginação

Quem também só tem motivos para falar bem do Dia dos Namorados é a comerciante Edilene Renata R. Santos, dona da loja Girassol, que há 15 anos se tornou sinônimo de sex-shop em Itapira e região. Edilene fala sem medo de errar que o 12 de Junho é o seu “Natal”, ou seja a data comemorativa mais importante do ano. Ela estima que as vendas cresçam mais de 50% com relação aos chamado período normal de vendas.

Com larga experiência no assunto, Edilene diz que o diferencial da loja está em oferecer artigos que explorem a imaginação dos clientes, visando apimentar a relação, ou simplesmente sair do lugar comum. Prometeu permanecer com as portas abertas até às 18h00 deste sábado, já que a experiência, segundo ela, demonstra que são muitas as pessoas que decidem investir em um presente sempre na última hora.

Edilene e sua equipe estarão a postos neste sábado, apostando num dia de intenso movimento

O comércio está autorizado a funcionar até às 16h00 deste sábado.

 

 

 

Últimas Notícias

Guia Comercial

error: